Banca de DEFESA: FANIA DANITZA CAICEDO MATEUS

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : FANIA DANITZA CAICEDO MATEUS
DATA : 25/11/2021
HORA: 13:00
LOCAL: meet.google.com/keu-gvpy-bdz
TÍTULO:

Termoluminescência e Espectroscopia RPE de Monocristais de Quartzo Natural de Alta Sensibilidade à Radiação Gama


PALAVRAS-CHAVES:

luminescência; centros de defeitos; quartzo; sensibilização; armadilhas profundas


PÁGINAS: 190
RESUMO:

O objetivo deste trabalho foi estudar o sinal TL de quartzo natural de alta sensibilidade à radiação gama (mGy) em associação com a caracterização de centros de defeitos, por meio das espectroscopias de ressonância paramagnética eletrônica e infravermelho. Foram utilizadas amostras monocristalinas de três depósitos, com concentrações de impurezas conhecidas, nas condições zerada (tratamento térmico) e sensibilizada (radiação gama de 30 kGy e tratamentos térmicos). Os resultados mostraram que, após a sensibilização, as emissões nas faixas violeta e azul são maiores que no ultravioleta. A possibilidade de remover e restaurar o efeito da sensibilização e a existência de emissões acima de 350 °C mostrou que o aumento da sensibilidade TL ocorre quando é eliminada a competição entre armadilhas ativas e profundas. Amostras sensibilizadas apresentaram um aumento significativo da intensidade TL em toda a curva, indicando a sensibilização do pico a 90 °C. Pelas medidas RPE observou-se que a sensibilização produz um conjunto de centros de defeitos relacionados a vacâncias de Si e O e íons substitucionais de Ge, quais sejam: B, I, O_3^-, 〖[(GeO_4)⁄Li]〗^0 e 〖[E_1^ꞌ-¬GeO_4]〗^0. Em comparação com a condição zerada, amostras sensibilizadas e irradiadas com dose-teste (100 Gy) evidenciaram a coexistência dos centros O_3^-, E_1^ꞌ, 〖[(GeO_4)⁄Li]〗^0 e 〖[E_1^ꞌ-¬GeO_4]〗^0. Conclui-se que os centros [(GeO_4)⁄Li]^0 e E_1^' atuam como armadilhas responsáveis pelo pico TL sensibilizado (260 °C), enquanto o pico a 335 °C é associado ao centro [E_1^'-GeO_4 ]^0. Para as amostras zeradas, o sinal TL dos picos a 325 e 375 °C está relacionado com o centro 〖[(GeO_4)⁄Li]〗^0. Possivelmente os centros O_3^- atuam como armadilhas profundas. A variação das energias de ativação e as mudanças na contribuição monocromática das curvas TL sugeriram que o sinal TL do quartzo sensibilizado consiste em transições localizadas envolvendo diferentes níveis energéticos do centro de recombinação [AlO_4 ]^0.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - RENÉ ROJAS ROCCA
Externo à Instituição - KLAUS WILHELM HEINRICH KRAMBROCK
Externo ao Programa - 3091529 - MICHAEL CABRERA BAEZ
Externo ao Programa - 1307009 - PEDRO LUIZ GUZZO
Interno - 1800093 - VINICIUS SAITO MONTEIRO DE BARROS
Notícia cadastrada em: 03/11/2021 11:34
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação (STI-UFPE) - (81) 2126-7777 | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa01.ufpe.br.sigaa01