Banca de DEFESA: ADELIA KARLA FALCAO SOARES

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : ADELIA KARLA FALCAO SOARES
DATA : 03/05/2022
HORA: 09:00
LOCAL: GSUITE
TÍTULO:

PROCESSO EDUCATIVO COM A EQUIPE DE ENFERMAGEM SOBRE COMUNICAÇÃO E LETRAMENTO EM SAÚDE NA EMERGÊNCIA PEDIÁTRICA.


PALAVRAS-CHAVES:

Comunicação em saúde; Letramento em saúde; Criança hospitalizada;Emergência; Enfermagem pediátrica


PÁGINAS: 135
RESUMO:

A assistência destinada à criança em um contexto de emergência, exige da equipe de
saúde uma atuação rápida e eficiente, para minimizar as situações de risco de morte. Nesse
cenário, o profissional precisa desenvolver o cuidado técnico e emocional, estabelecer
vínculos de confiança com a criança/família e aperfeiçoar o processo de comunicação e
letramento em saúde com a criança e suas particularidades. Este estudo tem como objetivo
analisar as contribuições de um processo educativo com a equipe de enfermagem sobre
comunicação e letramento em saúde no contexto de uma emergência pediátrica. Trata-se
de uma pesquisa participativa em saúde, com abordagem qualitativa, desenvolvida por meio
de um processo educativo realizado em um hospital do município de Recife-PE, nos meses
de agosto a novembro de 2021. A pesquisa ocorreu em quatro etapas: 1- Revisão
integrativa; 2- Planejamento da ação educativa; 3-Exploração da realidade por meio de
pequenos grupos operativos; 4- Avaliação da intervenção durante todo o processo
formativo. Participaram 10 enfermeiros e 28 técnicos de enfermagem, selecionados de
forma intencional. Para a coleta dos dados foi utilizada a técnica de grupos operativos a
partir de sessões grupais desenvolvidas durante os encontros presenciais e no ambiente de
trabalho ao longo do processo educativo. A análise dos dados seguiu as etapas propostas
por Graham Gibbs (2009): codificação linha por linha, categorização dos temas e análise
dos dados analíticos. Nesse processo foi usado o software atlas. ti (versão 8.0), para a
codificação e recorte dos núcleos de sentido, os dados empíricos foram articulados com os
conceitos da educação permanente, comunicação em saúde e o construto do letramento
em saúde. Na codificação dos dados foram gerados 1014 códigos descritivos, destes 997
códigos foram selecionados e agrupados em 12 grupos de códigos que deram origem às 4
categorias temáticas: 1- Resgatando a criança interior dos profissionais de enfermagem; 2-
Desenvolvendo a empatia com a crianças/família; 3- Comunicação e letramento em saúde;
4- Novas ações a partir dos conhecimentos construídos. A ação educativa contribuiu para o
ensino-aprendizagem dos participantes, aperfeiçoando os conhecimentos já adquiridos e

potencializando a comunicação e o letramento em saúde entre a equipe de enfermagem e a
criança/família no contexto de uma emergência pediátrica.


MEMBROS DA BANCA:
Externa à Instituição - FERNANDA MACHADO SILVA RODRIGUES
Externa à Instituição - ERIKA ACIOLI GOMES PIMENTA - UFPB
Interna - 1199778 - FRANCISCA MARCIA PEREIRA LINHARES
Presidente - 2807181 - MARIA WANDERLEYA DE LAVOR CORIOLANO MARINUS
Notícia cadastrada em: 29/04/2022 12:47
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação (STI-UFPE) - (81) 2126-7777 | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa01.ufpe.br.sigaa01