Banca de DEFESA: CICERA LEIDIANE LIMA DA SILVA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : CICERA LEIDIANE LIMA DA SILVA
DATA : 12/01/2022
HORA: 14:30
LOCAL: Via Videoconferência (GoogleMeet)
TÍTULO:

EXPRESSÃO DO RACISMO EM CONTOS DA LITERATURA CLÁSSICA BRASILEIRA: UMA PROPOSTA DE LEITURA TEMÁTICA PARA O 9º ANO


PALAVRAS-CHAVES:

Conto. Leitura. Oficina. Semiótica Discursiva.


PÁGINAS: 143
RESUMO:

Esta pesquisa visa apresentar uma proposta de oficinas de leitura, utilizando a teoria da semiótica francesa direcionada ao gênero conto com a finalidade de contribuir com a melhora na leitura e na compreensão textual dos alunos. Como produtos finais deste trabalho, buscamos disponibilizar, além das oficinas, dois jogos educativos baseados nos conceitos semióticos do percurso gerativo de sentidos greimasianos. Trata-se de atividades propositivas com a utilização dos contos “Pai contra mãe”, de Machado de Assis, e “Negrinha”, de e Monteiro Lobato. Esses textos abordam situações que fazem parte da nossa história enquanto povo brasileiro e nos possibilitam o trabalho com a temática da desigualdade social e o preconceito racial. Temos por objetivo principal analisar como acontece a expressão do racismo nos contos “Negrinha”, de Monteiro Lobato, e “Pai contra mãe”, de Machado de Assis, como discussão necessária para a Educação Básica. Buscamos, nos objetivos específicos, articular conceitos básicos da Semiótica Discursiva, com ênfase nos temas e figuras; bem como apresentar a atuação dos atores no tempo e no espaço, como articuladores da emergência temática no corpus de análise; e elaborar uma oficina de leitura literária com apoio na Semiótica Discursiva. Para atingirmos esses objetivos, sustentamo-nos numa investigação de caráter quali-quantitativo, com o direcionamento do trabalho dividido em etapas, desde o despertar sobre o tema abordado e o gênero textual escolhido, até a análise semiótica desenvolvida. As oficinas de leitura desta pesquisa são de criação própria com a análise dos textos. Também nos embasamos nos estudos de Platão e Fiorin (1999) e Kleiman (1989) como contribuição para o conceito de leitura. Temos Piglia (1994) e Moisés (1990) no estudo do gênero conto e, ao tratarmos da teoria da semiótica, nossa base se funda na teoria semiótica de linha francesa, mais especificamente, nos trabalhos de Greimas e Courtés (1989), Barros (2002), Fiorin (2016). Tomamos como elemento norteador da elaboração das oficinas os documentos oficiais, tais como: os Parâmetros Curriculares de Pernambuco (2012a; 2012b), a Base Nacional Comum Curricular (BNCC, 2017), dentre outros. O material disponibilizado com a pesquisa traz uma contribuição para as aulas Língua Portuguesa no processo de compreensão textual e, consequentemente, no despertar do gosto pela leitura.

 


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 021.067.064-99 - ADRIANO CARLOS DE MOURA - IFPE
Externa ao Programa - 771.091.044-00 - EDVÂNEA MARIA DA SILVA - IFPE
Externa à Instituição - MARIA NAZARETH DE LIMA ARRAIS - UFCG
Notícia cadastrada em: 09/01/2022 23:14
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação (STI-UFPE) - (81) 2126-7777 | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa01.ufpe.br.sigaa01