Banca de DEFESA: NALIANA DA SILVA MENDES

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : NALIANA DA SILVA MENDES
DATA : 23/02/2022
HORA: 14:00
LOCAL: Ambiente Virutal
TÍTULO:

Museu do Homem Americano: descortinando a educação museal sobre a arte pré-histórica em São Raimundo Nonato, Piauí, Brasil.


PALAVRAS-CHAVES:

Arte pré-histórica; Museu; Museu do Homem Americano; Educação museal.


PÁGINAS: 164
RESUMO:

Os museus se constituem como espaços de conservação, estudos, divulgação e fruição do patrimônio cultural e artístico produzido pela sociedade. São instituições sem fins lucrativos que, dentre inúmeras possibilidades, colocam o público em contato com as mais diversas categorias de patrimônio que, por sua vez, promovem a compreensão da vida social e cultural. A função educativa dos museus faz parte das reflexões de reconhecidas instituições como Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) e o Conselho Internacional de Museus (ICOM) desde a década de 1950. Cada vez mais, está em evidência o contributo e a relação dos museus, como instituições não-formais, com a escola, instituição de educação formal por excelência. Tendo isso em conta, esta pesquisa articula-se no campo de ensino das Artes Visuais, com ênfase na arte pré-histórica, e no campo dos museus, na perspectiva do diálogo entre instituição formal e não-formal. Assim, a pesquisa em relato tem como objetivo analisar o alcance das ações de mediação do Museu do Homem Americano, especificamente, quanto à arte pré-histórica, na sua relação com escolas públicas de São Raimundo Nonato no Piauí, Brasil. Metodologicamente, a pesquisa é de natureza bibliográfica, documental e descritiva, que articula as abordagens quantitativa e qualitativa de modo complementar. Tem como campo as escolas da rede pública da cidade de São Raimundo Nonato, no Piauí, estabelecidas como lóci da pesquisa a partir do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB), realizado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), que se configura como indicador de qualidade do ensino, perfazendo, portanto, quatro escolas. A pesquisa tem como sujeitos os professores de arte das quatro escolas. Como instrumento de coleta de dados, utiliza-se questionário, elaborado via Google Forms, composto por questões abertas e fechadas, de modo a obter dados sobre o perfil dos sujeitos, visão destes quanto ao contributo do Museu do Homem Americano como aliado no ensino da arte pré-histórica face ao conteúdo curricular em sala de aula. Para a análise dos dados, utiliza estatística básica descritiva e análise de conteúdo pelo estabelecimento de categorias temáticas interpretadas em confronto com a revisão da literatura que aporta a pesquisa. Como resultados, constatamos que o museu se constitui como espaço essencial para o estímulo ao conhecimento a respeito da arte pré-histórica da região da Serra da Capivara, propiciando uma mediação entre patrimônio cultural e público. Concluimos que esse estabelece uma relação proficua com as escolas da região, auxiliando na prática de professoras de Arte.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 033.625.847-05 - LUCIANA FERREIRA COSTA - UFPB
Interno - 714.277.834-20 - ROBSON XAVIER DA COSTA - UFPB
Externo à Instituição - IVAN COELHO DE SÁ
Notícia cadastrada em: 23/02/2022 10:14
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação (STI-UFPE) - (81) 2126-7777 | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa02.ufpe.br.sigaa02