Banca de DEFESA: TATIANE FONSECA DA SILVA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : TATIANE FONSECA DA SILVA
DATA : 15/06/2022
HORA: 09:00
LOCAL: Google Meet
TÍTULO:

SEQUÊNCIA DIDÁTICA E USO DE FERRAMENTAS TECNOLÓGICAS DIGITAIS COMO INSTRUMENTOS PEDAGÓGICOS NO ENSINO DE VIROSES E MÉTODOS DE PREVENÇÃO


PALAVRAS-CHAVES:

Biologia; Virologia; Educação; Recursos tecnológicos; Celular.


PÁGINAS: 90
RESUMO:

As doenças virais têm representado um risco a saúde pública, principalmente as de veiculação respiratória, sendo considerado um dos principais responsáveis pela demando a serviços de saúde devido ao seu poder de disseminação e letalidade. Portanto, o ensino de virologia deve ser abordado no ensino de Biologia, de modo a promover saberes necessários a prevenção destas enfermidades. Desta forma, o objetivo desta pesquisa foi desenvolver uma sequência didática utilizando ferramentas tecnológicas digitais como instrumentos pedagógicos para o ensino de doenças virais e métodos de prevenção. Trata-se de uma pesquisa qualitativa com dados coletados por meio de questionários semiestruturados, aplicada com os estudantes do 2º ano do ensino médio de uma Escola Técnica Estadual, que possibilitou a compreensão do processo de ensino aprendizagem de saberes significativos para prevenção de viroses diante da inclusão de ferramentas tecnológicas digitais associadas a uma abordagem investigativa. Para tal, foi elaborada e aplicada uma sequência didática que ocorreu em 5 momentos, totalizando 6 aulas, tendo início com a exposição do problema que resultou em um debate com uso da técnica de Brainstorm, abordando as concepções prévias dos estudantes sobre o tema, seguindo da apropriação de conceitos a partir da articulação de equipes para pesquisa, análise de Fake News e sistematização do conhecimento através da divulgação dos produtos das pesquisas, que culminou com a produção de um protótipo de App, pelos próprios estudantes, abordando os métodos preventivos para doenças virais. Quanto aos resultados, observa-se que esta SD favoreceu a alfabetização científica dos estudantes relacionada ao tema proposto e pode ser evidenciada no despertar das competências e habilidades apresentadas pelos estudantes, tais como: reflexão crítica, oralidade, argumentação e uso de conceitos científicos. Além do mais a inclusão das ferramentas tecnológicas mostrasse uma excelente ferramenta pedagógica e motivacional no ensino de viroses, uma vez que, aproxima a cultura digital ao processo educativo. Desta forma, devemos enfatizar que por meio das atividades investigativas os estudantes passaram a desenvolver o raciocínio científico que poderá refletir em atitudes coerentes na prevenção de viroses e para melhoria na qualidade de vida.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - FABIO MARCEL DA SILVA SANTOS
Presidente - 2855583 - ISABELLA MACARIO FERRO CAVALCANTI
Interno - 4510651 - KENIO ERITHON CAVALCANTE LIMA
Notícia cadastrada em: 23/05/2022 08:36
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação (STI-UFPE) - (81) 2126-7777 | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa01.ufpe.br.sigaa01