PPGGERO PROGRAMA DE POS-GRADUACAO EM GERONTOLOGIA - CCS DIRETORIA DO CENTRO DE CIENCIAS DA SAUDE - CCS Telefone/Ramal: Não informado

Banca de QUALIFICAÇÃO: GESSICA CAZUZA DE MEDEIROS

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : GESSICA CAZUZA DE MEDEIROS
DATA : 19/05/2022
LOCAL: PPGERO / REMOTO
TÍTULO:

AVALIAÇÃO DO USO DA LEVODOPA EM  IDOSOS COM DOENÇA DE PARKINSON


PALAVRAS-CHAVES:

Adesão à medicação. Doença de Parkinson. Levodopa


PÁGINAS: 50
RESUMO:

Introdução: A Doença de Parkinson é a segunda doença neurodegenerativa mais prevalente entre os idosos, atingindo de 1 a 3% dessa população, possui etiologia idiopática, os sintomas são caracterizados por distúrbios motores e não motores, e o diagnóstico é clínico, os sintomas pioram com o passar do tempo, e há necessidade de adotar regimes terapêuticos complexos, que diminuem a adesão, devido ao número de medicações e aos horários múltiplos de administração. A levodopa é o principal fármaco para o tratamento, restaurando os níveis de dopamina, ela também está associada ao aparecimento de complicações motoras a longo prazo, que resulta em aumento do gasto energético pela alta atividade muscular, elevando o risco de desnutrição. Objetivo: Avaliar a adesão e os efeitos adversos do uso da levodopa em idosos com Doença de Parkinson (DP). Métodos: Estudo transversal, descritivo de natureza quantitativa e de base populacional. No período de novembro de 2021 a maio de 2022, a população do estudo será composta por idosos diagnosticados com Doença de Parkinson idiopática, cadastrados e acompanhados pelo Programa de Extensão Pró-Parkinson, e pelo ambulatório de Neurologia do Programa Pró Parkinson do Hospital das Clínicas de Recife-PE, cumprindo todos os critérios de elegibilidade, sendo do sexo masculino e feminino, com idade ≥ 60 anos, no período referido da coleta de dados e que preencham os critérios de elegibilidade e assinatura do TCLE. Para caracterização sociodemográfica será aplicado uma ficha específica. As variáveis clínicas serão avaliadas por meio da Escala de Hoehn-Yahr (HY), tempo de doença, Dose Equivalente da Levodopa (DEL), comorbidades, Escala Unificada de Avaliação da Doença de Parkinson (UPDRS 4) e o Estado Nutricional será classificado pela Mini Avaliação Nutricional (MAN®). As análises estatísticas serão realizadas pelo StatisticalPackage for Social Sciences (SPSS) 21.0. O nível de significância adotado será de 5% (p ≤ 0,05).


MEMBROS DA BANCA:
Interna - 1121032 - ANA PAULA DE OLIVEIRA MARQUES
Externa ao Programa - 1672996 - LUCIANA GONCALVES DE ORANGE
Presidente - 1133723 - NADJA MARIA JORGE ASANO
Notícia cadastrada em: 11/05/2022 17:27
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação (STI-UFPE) - (81) 2126-7777 | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa01.ufpe.br.sigaa01