PPGGIC PROGRAMA DE POS-GRADUACAO EM GESTAO, INOVACAO E CONSUMO - CAA CAMPUS DO AGRESTE - CA Telefone/Ramal: Não informado

Banca de DEFESA: LETICIA BARBOSA DE MELO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : LETICIA BARBOSA DE MELO
DATA : 30/05/2022
HORA: 14:30
LOCAL: Google Meet - G Suite
TÍTULO:

COMPETÊNCIAS GERENCIAIS E DESEMPENHO ORGANIZACIONAL: Um estudo envolvendo as Lavanderias industriais do Polo Têxtil do Agreste Pernambucano


PALAVRAS-CHAVES:

Competências Gerenciais; Desempenho Organizacional; Lavanderias Industriais.


PÁGINAS: 123
RESUMO:

O Polo Têxtil do Agreste Pernambucano tem importância central na economia local e, como
integrante deste Arranjo Produtivo Local, as Lavanderias Industriais enfrentam desafios como
informalidade, falta de mão de obra qualificada, falta de profissionalismo dos colaborados e
dos gestores, altos impostos, falta de segurança, além das exigências no tocante a gestão
ambiental por serem empresas que consumem muita água e lenha e ainda geram efluentes
prejudiciais ao meio ambiente. Sendo assim, este estudo buscou analisar em que medida as
competências gerenciais dos gestores das lavanderias industriais do Polo Têxtil do Agreste
Pernambucano influenciam o desempenho organizacional. Para alcançar esse objetivo foi
realizada uma pesquisa de caráter quantitativo-explicativo, que contou no desenvolvimento
teórico com os entendimento de Quinn (1988) para a concepção de competências gerenciais
bem como de múltiplos autores para as dimensões do desempenho organizacional. Para a coleta
de dados utilizou-se de survey via formulário em que alcançou 47 empresas (41,23% do total
estimado) e utilizou-se das técnicas de regressão linear multivariada, correlação e testes não
paramétricos para análise dos dados. Como principais resultados, obteve-se sete relações que
se mostraram significativas ao nível de 10% (∝=0,10), porém somente dois papéis de líderes
(Coordenador e Inovador) e suas respectivas competências se apresentaram com o sinal positivo
para a relação de competências gerenciais e desempenho organizacional, assim como era
esperado pela hipótese central do estudo. Ou seja, a partir da teoria de Quinn (1988), que foi o
modelo de competências gerenciais utilizado nessa pesquisa, observou-se que as competências
gerenciais do papel de Inovador e Coordenador influenciam positivamente o desempenho
organizacional, enquanto os outros papéis (Mentor, Facilitador e Diretor) revelaram uma
influência negativa. Essa pesquisa implica contribuição científica na medida em que verificou
de forma empírica a relação entre os construtos de competências gerenciais e desempenho
organizacional, na qual há um descompasso entre o que é sugerido por trabalhos anteriores,
além de gerar informações sobre organizações locais e pequenas e médias empresas para futuras
pesquisas. Como contribuição prática consta as informações geradas por esse estudo, como
motivação de discussões e futuras ações por parte das lavanderias, associações de classes e do
poder executivo com objetivo de alcançar melhorias para o setor têxtil.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1962553 - JOSE LINDENBERG JULIAO XAVIER FILHO
Externa à Instituição - LINDA JÉSSICA DE MONTREUIL CARMONA
Interna - 2890722 - MARCELE ELISA FONTANA
Notícia cadastrada em: 18/05/2022 17:03
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação (STI-UFPE) - (81) 2126-7777 | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa01.ufpe.br.sigaa01